O Deus que eu amo

O Deus que eu amo é um Deus vivo e não um deus de barro. É um Deus do impossível, que vence as batalhas, que perdoou os nossos pecados, que...


O Deus que eu amo é um Deus vivo e não um deus de barro. É um Deus do impossível, que vence as batalhas, que perdoou os nossos pecados, que nunca nos desampara. Um Deus que nunca erra, nos ama como ninguém, que criou tudo em nossa volta, que quer dar-nos o melhor. Nunca vi outro igual... esse é o Deus que eu amo!!!

Leia também...

1 comentários

Este é o seu espaço. Mas lembre-se: bom-senso é fundamental!